Translate

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

O espelho mágico


Muitos mitos antigos nos falam dos espelhos e seus poderes especiais. Os grandes iniciados, em todos os tempos, sempre tinham dentre seus pertences para a preparação de rituais, um espelho mágico. Sua confecção exigia determinados materiais e práticas secretas e era utilizado para o desenvolvimento e o controle da vontade criadora do mago por meio do adestramento dos seus recursos de expressão, tais como: o olhar, os gestos e as ações.
O fascínio pelo espelho tem origem no mais elevado dos arquétipos humanos e diz respeito à nossa própria criação, remetendo-nos à idéia de que o mundo é um grande espelho e tudo o que vemos é um reflexo da Fonte Original Criadora. Isto pode ser verificado através da narrativa do Mito de Sophia, onde a criação é vista como um “mar de espelhos”.
Apesar de todo mistério que envolve a confecção e o uso do espelho, vale ressaltar que os poderes não são intrínsecos à natureza do objeto em si, mas decorre da força interior de quem o utiliza. Ora, a vida externa é um reflexo das crenças, hábitos e pensamentos. Portanto, nossa vida ordinária se traduz em um espelho daquilo que verdadeiramente somos, em essência. Assim, ao mudar a nossa realidade interna, mudam-se os reflexos no espelho exterior, alterando as consequências experimentadas sensorialmente. O que quero demonstrar com isso é que você pode utilizar o poder transcendental do objeto espelho para fins de uma transformação interna, visando uma melhor experiência de vida.
O espelho pode ser utilizado para fins de autoconhecimento e aperfeiçoamento pessoal porque ao mirar-se nele, você está diante de sua própria criação, representando para si mesmo o que é, bem como o que deseja ser.
Você pode comprovar o poder fascinante do espelho ao olhar para si mesmo e francamente aceitar-se como é, sem reservas ou ressalvas. Obviamente pode haver detalhes físicos que você não desejaria como aquela saliência a mais na barriga ou aquelas estrias, ou, ou, ou... Mas aqui estamos falando de algo mais. Você deve observar o que há de superior em você.
Olhe para seu corpo e note que ele é apenas o recipiente. Sua essência vai muito além e também pode ser observada através do espelho. Lá, do outro lado, há o reflexo de uma pessoa que deseja se expressar, ter sucesso, viver bem e ser feliz. Além do corpo físico ordinário existe uma consciência pensante, carregada de desejos e emoções. Portanto, esqueça os detalhes e olhe para o “todo”, ciente de que você poderá transformar sua vida a partir do momento em que, diante do espelho, tornar-se capaz de declarar respeito, amor e admiração por si mesmo.
A minha vida só melhorou quando finalmente eu tomei coragem de olhar para mim mesmo diante do espelho e dizer com sinceridade: Francisco, eu te amo. Embora me sentisse um pouco estranho no início porque sabia que essa afirmação não era totalmente verdadeira, continuei persistindo na técnica até aceitar emocionalmente meu amor-próprio. Daí vieram resultados fabulosos que se traduziram em uma melhora substancial em todas as instâncias da minha existência.
Você é especial porque é único, desde a aparência e vestimenta corporal até o mais profundo do seu ser. Reflita sobre isso diante do espelho e declare seu amor por si mesmo. Pode ser que você sinta vergonha de olhar-se afirmando que se ama. Mas tente assim mesmo. Se for persistente a ponto de nunca deixar de dizer que se ama diariamente, toda vez que se mirar no espelho, verá como sua autoestima melhora, ao mesmo tempo em que você vai se libertando de pensamentos de autocomiseração. Aos poucos, atitudes e hábitos poderosos irão sendo construídos com essa prática e você será libertado das prisões impostas pela consciência de “ser menos”, adquirida mediante uma visão distorcida diante do espelho do mundo.
Ao concluir a leitura deste artigo, dirija-se ao espelho e experimente declarar seu amor por si mesmo. Diga: [Nome], eu te amo. Prometo fazer tudo o que estiver ao meu alcance pela sua felicidade. Você é especial para mim porque reflete tudo o que sou, em essência. Juro que serei melhor na essência para que você possa experimentar o que há de melhor no mundo.