Translate

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

TUDO AGORA É DOENÇA...


Antigamente tínhamos superstições ou manias, ao falar ou ouvir a palavra "azar" dávamos três toques na madeira e tudo ficava em paz; entrar e sair pela mesma porta era apenas uma maneira de "não levar a sorte embora"; podíamos até não gostar de uma determinada cor e excluí-la do nossa vida e do nosso guarda-roupa, era apenas uma questão de gosto; se gostávamos de lavar as mãos diversas vezes por dia , afinal é um membro muito usado e elas "são muito curiosas", era apenas por asseio; como também não tinha nada demais ficar um longo tempo embaixo do chuveiro ou em uma banheira cheia de espuma, fazendo bolinhas de sabão e cantarolando num"dolce fair niente", era apenas um "relax" e um cuidado com a higiene mais prolongado... Hoje não! Hoje é Transtorno Obsessivo Compulsivo, o famigerado T.O.C! Vá fazer análise!

Ficávamos tristes e desgostosos por um tempo, quando algo não caminhava como queríamos, dava aquela vontade de ficar no quarto quietinho, curtindo nossa fossa, pedindo aos céus que o mundo se esquecesse de nós; durava dias, às vezes meses, podia ser até anos, tudo dependia do que nos levou a ficar triste. Perder um amor, insatisfação com a via profissional ou perda de um ente querido; afinal, quem passa pela vida ileso a um dissabor? Nem ouse entristecer-se hoje em dia, você  está com Depressão. Corra tomar um anti-depressivo, caso contrário é suicídio na certa!

Ao mesmo instante em que quando tudo "conspirava ao nosso favor", nos tornávamos exultantes e a expectativa nos dominava, era pura euforia, quase agoniante; ficávamos elétricos e excitados; hoje em dia quem demonstra entusiasmo e não vê a hora "chegar" ou concluir alguma coisa é ansioso e sofre de Ansiedade. Você está doente. Tome calmante!

Sem falar das tantas e tantas vezes que acordamos tristes e fomos dormir felizes; de um desânimo sem causa aparente, um pensamento ou uma oração nos reconfortou e lá estávamos nós animados novamente; quem nunca viu uma gargalhada transformar-se em choro? Ou alguém tranquilo de uma hora pra outra explodir em fúria? Tem também os vice-versa. Era normal, era! Tome cuidado! Hoje é sinal evidente de Transtorno Bi-Polar de Humor. Gravíssimo! Tarja preta.

Se estiver cansado e irritado, depois de muito trabalho e pouco lazer, muita cobrança e poucos resultados, muita pressão e nenhum elogio, nem sonhe em relaxar! Você está com Stress não há noite de sono que amenize! Calma, dobre a dose da tarja preta - a solução da vida moderna!

Ops! Eu falei em "noite de sono"  e você não pregou o olho de preocupação? Só por culpa de tantas contas pra pagar? Da violência que a cada dia fica mais perto de nós? Da insegurança com o futuro e das dúvidas do presente? Avá! Mais um pouquinho de tarja preta e encontre solução pra tudo isso, na verdade você só sofre de Insônia.

Agora, por favor, nem ouse confessar a si mesmo, ou a um médico, que tem receio de viajar de avião, que fica tenso numa rodovia, ou que se sente claustrofóbico em um elevador. Se seu peito dói e você pensa estar infartando, se pensa que a dor na nuca pode ser meningite e que aquela dor de cabeça é um AVC. Se você comentar isso, ou assumir esses temores, nada disso tem lógica! Você tem Síndrome de Pânico. 

Essa eu conheço bem. Depois de passar oito anos, atrás de médicos e remédios, deixei a sensação de morte eminente de lado, rasguei todas as receitas, me enchi de vida e coragem, e enfrentei meus medos - venci todos! Estou curada!

Claro que existem os casos crônicos que devem ser tratados por especialistas, mas a grande maioria precisa mesmo é aceitar e entender que problemas sempre existiram e existirão; o que temos que aprender é que a solução para isso tudo não é vendida em cápsulas, o remédio está dentro de nós mesmos.

Lembra-se daquela frase do tempo da vovó que dizia que "o que não tem remédio, remediado está"? Hoje existem remédio e mais remédios, porém nenhum deles traz a cura. Precisamos apenas"remediar".


Fique atento! E se você se esquecer disso, esteja certo que é Alzheimer!

By Nádia